aqui mora a poesia...

aqui mora a poesia...

TRABALHO


Trabalho - a santa oficina 
De que a vida se engalana 
- É a glória da luta humana 
De que a Terra se ilumina. 
Escola, templo, doutrina 
De que a alegria promana, 
Serviço é força que irmana, 
Cria, eleva disciplina;
preguiça imita a gangrena, 
Estraga, arrasa, envenena 
Onde vazia se enfuna. 
Quem vive só de poltrona 
Não melhora, nem se abona 
E à morte se mancomuna.

Alfredo Nora